Conselho Deliberativo irá homenagear atletas campeões pelo JEC

Diz o hino do JEC que o clube tem histórias gloriosas desde o ano de sua fundação. E algumas destas histórias serão resgatadas pelo Conselho Deliberativo do clube que, a partir desta quinta-feira, passa a homenagear atletas campeões pelo Tricolor.

A iniciativa, criada pela comissão de relações públicas do Conselho Deliberativo, ocorrerá mensalmente, sempre nas reuniões ordinárias. Aos ídolos escolhidos será concedida a honraria “Tricolor dos Tricolores”.

– A ideia é agradecer formalmente aos ex-atletas pelos títulos e por engrandecer e honrar o nome do Joinville Esporte Clube – destaca Darthanhan de Oliveira, presidente do Conselho Deliberativo.

Os primeiros homenageados representam a melhor fase do JEC e são unanimidades entre os torcedores: Nardela e Fontan.

Reinaldo Antônio Baldessin, o Nardela, é considerado um dos maiores ídolos da torcida joinvilense. Chegou ao JEC em 1980 e conquistou sete títulos estaduais, recorde no futebol catarinense.

Ao todo, atuou em 680 jogos – sendo o jogador que mais vestiu o manto tricolor. Nardela é também o segundo maior artilheiro da história do clube, com 130 gols.

Osni Fontan foi o ídolo de sua geração. Jogador versátil e de grande senso de oportunismo, foi tricampeão pelo JEC e artilheiro da equipe em três temporadas: 76, 77 e 78.

Fontan também ficou marcado como capitão que ergueu a primeira taça do Tricolor. Outra curiosidade que engrandece a carreira do ex-camisa 10 é o fato de ele nunca ter perdido um pênalti, além de jamais ter sido expulso em toda a sua carreira.

As homenagens ocorrerão a partir das 19h desta quinta-feira, na sala Wetzel, da Associação Empresarial de Joinville (ACIJ). Elas estão listadas como primeiro item da pauta da reunião ordinária do conselho deliberativo.

Deixe um comentário